Brumadinho é ‘tragédia anunciada’

A direção do Sindágua/RN, em nome dos trabalhadores em água, esgoto e meio ambiente do Estado do Rio Grande do Norte, presta a sua solidariedade às famílias das vítimas de Brumadinho (MG), às comunidades e aos trabalhadores da Vale vítimas do rompimento em 25/1/19 da Barragem da Mina Córrego do Feijão e desde já se integra à luta por esclarecimentos e punições aos responsáveis por este crime humano e ambiental gravíssimo. A tragédia revela-nos novamente que prevalecem no país a ganância empresarial, a impunidade e o descaso dos governantes que deveriam mas não zelam pela vida, pela segurança dos trabalhadores e das comunidades e pelo meio ambiente.

O rastro de dejetos ceifou muitas vidas de trabalhadores e moradores da comunidade e corre para os rios locais, em especial o Rio Paropeba, contaminando e podendo impossibilitar a coleta de água em grande parte Bacia do Paraopeba e do Vale do Rio São Francisco, responsável pelo abastecimento das famílias de cerca de 50 municípios. O que torna essa tragédia ainda maior.

O atual modelo de mineração, com empresas privatizadas e multinacionais que visam o lucro a qualquer custo afeta a vida de milhares de pessoas. Há apenas 3 anos do rompimento da Barragem de Fundão, em Mariana, mais um crime contra a vida é fruto desse modelo que apenas provoca tragédias anunciadas.

A promessa do atual governo federal de privatizar empresas estratégicas, como as de energia elétrica, petróleo, gás, água e saneamento, se efetivada, com certeza, poderá aumentar ocorrências trágicas com a vivida pela população de Brumadinho e assim deve-se entender, por definitivo, que a lógica de mercado não pode ser aplicada à segurança de instalações estratégicas do país.

É essencial e urgente o fortalecimento das entidades fiscalizadoras, dos movimentos e ativismos ambientais e das lutas do movimento sindical em defesa dos direitos da classe trabalhadora e da saúde e segurança dos trabalhadores e da vida.

A direção do Sindágua/RN tem a esperança que a terrível dor das vítimas deste momento seja brevemente minimizada e que a vida siga em frente e a justiça prevaleça!

#SomosTodosBrumadinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *